terça-feira, 9 de março de 2010

A turma do CQC pronta para a volta e pisando em campo perigoso


A trupe do programa CQC, da Band formada por Marcelo Tas, Rafinha Bastos, Marco Luque, Rafael Cortez, Felipe Andreoli, Oscar Filho, Danilo Gentili e Mônica Iozzi, está pronta para voltar.

Inovações
Um dos novos quadros do CQC 2010 será o Trabalho Forçado, em que personalidades assumirão por um dia empregos "proletários". Para desespero dos clientes, um dos primeiros a participar foi o Senador Eduardo Suplicy, que trabalhou como garçom. Já Soninha Francine, apresentadora de TV e sub-prefeita da da Lapa, em São Paulo, atacará como depiladora.

"Perceberam que eu tenho mais talento que ele". Essa foi a justificativa de Danilo Gentili assumir o lugar de Rafinha Bastos no quadro "Proteste Já". Rafinha entrou na brincadeira, concordando, para depois explicar que assumirá um novo programa aos domingos na Band, chamado A Liga.

Gentili também encara o "Cidadão Em Ação", que no primeiro programa mostrará a reação das pessoas a um suposto motorista de van escolar, que entra em um bar e bebe cachaça.

Outro quadro é o "Marco Luque Responde". "Eu não tive muito apoio do programa, da produção, mas eu fiz com minhas próprias mãos na minha casa, com minha webcam", brincou o apresentador. No quadro ele responderá a dúvidas enviadas a ele, como por exemplo: "Por que os egípcios construíram as pirâmides?", que teve como resposta: "Para se esconderem dos dinossauros...". Sobre matérias na rua, Luque disse que só em último caso faz externas.

Cenário branco
Em oposição ao cenário de tons escuros das temporadas passadas, o CQC chega seguindo a tendência 3D e todo branco, o que permite a visualização do telão atrás dos apresentadores e um maior contraste com seus ternos pretos. No começo Tas desconfiou da nova configuração de cores: "mas hoje fizemos um teste de vídeo e ficou sensacional".
Criatividade renovada
''Estamos pisando em uma casca de banana perigosa'': é assim que Marcelo Tas define a entrada no terceiro ano do programa, que abrange Copa do Mundo e eleições. A pressão por manter o nível de criatividade vem deles mesmos: ''Não podemos nos descuidar, temos que continuar surpreendendo'', reflete, usando a palavra ''tesão'' para definir o que os move.

A estreia será no dia 15 de março.

Foto: José Patrício/AE

Nenhum comentário:

Postar um comentário